4 crimes sexuais bizarros e de bônus: O Retalhador de Bundas

Nem só de alegrias, vive o sexo. Infelizmente tem muita gente que vacila — vacila feio, vacila rude! — e comete crimes sexuais, no mínimo, inusitados. Aqui a gente separou alguns dos mais bizarros crimes que envolvem sexo, de alguma forma, para você conferir…

Levar a gata para o estacionamento pode ser considerado como um dos crimes sexuais?

Bom, às vezes acontece. Naquele momento gostoso, de muita excitação o carro é um excelente terreno para fazer aquela putariazinha marota. Tá certo que na maioria das vezes isso é durante a noite e a companheira de dança não costuma ser uma boneca inflável… Não para George J. Bartusek Jr.

Bartusek foi condenado a 6 meses de condicional depois de ter sido pego no flagra fazendo sexo com uma moçoila inflável em Cape Coral, na Flórida.

crimes sexuais bizarros estacionamentoO sarrador de objetos infláveis

Bom, se o último sujeito fazia com bonecas em específico, Edwin Tobergta tem um espectro mais abrangente na hora de mandar ver com infláveis no geral.

Em 2002, Tobergta foi encontrado com uma abóbora inflável; em 2011, seu alvo foi um colchonete inflável rosa (daqueles de piscina, sabe?); em 2013, a tentação tomou conta de Edwin e ele resolveu repetir a dose, foi atrás do colchonete rosa de novo. Resultado: 11 meses de cana para o sarrador.

E a gente fica com uma coisa na cabeça: havia algo de especial com aquele colchão d’água inflável…

crimes sexuais bizarros sarradorO chupador de dedões

Fetiche por pés é algo bem conhecido, comum e bastante inofensivo, certo? Bom, Joey Leaphart faz com que não pareça bem assim. A tara dele por dedões é tanta que ele fingiu participar de um reality show para alcançar os pés de uma mocinha de 18 anos. Fora umas escusas com uma menor de idade que o fez entrar na lista de sex offenders.

crimes sexuais bizarros chupadorO amante de manequins

Pobre, rapaz… Imagine ver sua figura amada presa, por trás de frias vitrines, à mostra para todos, sem poder se defender? Ao menos é assim que pensa Ronald Dotson — que tem uma agalmatofilia em nível beeeeeem avançado. Por amor foi preso 7 vezes entre 1993 e 2007 por crimes sexuais que envolviam roubos de manequins.

Em sua última prisão, Dotson foi condenado entre 18 meses e 30 anos. Afinal, o juiz, apesar de admitir que ele nunca machucou ninguém, resolveu mantê-lo atrás das grades até as autoridades terem certeza de que ele não iria mais dar tapas na cara da sociedade com seu amor pelas estátuas de lojas.

crimes sexuais bizarros manequimNa falta de IBAGENS, fique com esse cartaz de filme 🙂

Bônus: O Retalhador de Bundas

Imagine você, em um dia calmo, tranquilo, normal, passeando no shopping, aproveitando o dia livre. De repente um barulho. Você vai lá ver e…

sua bunda leva um corte. Então, esse era o modus operandi de Johnny D. Guillen Pimentel: cortar bundas.

O referido rapaz tocou o terror nos shopping centers no Condado de Fairfax, norte do estado americano da Virginia. O cara foi sentenciado a 7 anos de xilindró por fazer cortes nos traseiros de 6 incautas mulheres, após ter sido levado de volta aos EUA pela Interpol em uma tentativa de fuga para seu país natal, o Peru.

crimes sexuais bizarros cortador de bundas

Comentários

Comentários

DEIXE UM COMENTÁRIO